top of page
Buscar
  • contato98129

A Beleza das Histórias: Sempre Foi Sobre Nós

Um livro necessário

 O Brasil é um dos países num ranking vergonhoso e aterrorizante: o da violência contra a mulher. Sejam as agressões físicas ou psicológicas, os estupros, os assédios ou o feminicídio, as brasileiras crescem vítimas do fato de serem mulheres.

Não importa a origem, a cor, a classe social nem o grau de escolaridade. Os ataques vêm de diferentes frentes, mas sempre vem. Por essas e outras cada página de “Sempre foi sobre nós”é uma preciosidade

 

Depois de enfrentar ela mesma graves episódios de violência política de gênero que atingiram at;e mesmo sua pequena filha, Manuela d’Ávila, uma das feministas mais ativas e relevantes do país, decidiu buscar histórias similares às suas. Assim nasceu esta obra acolhedora, reveladora e honesta. O livro reúne relatos de mulheres com fundamental atuação na política brasileira e que sofreram violência durante a campanha eleitoral e o exercício do mandato. 

 

As vivências registradas em cada parágrafo são chocantes não apenas pela agressividade das disputas políticas, mas por sua motivação intrínseca: todas as autoras foram e são atacadas dia após dia, ano após ano não pelo conteúdo de seu trabalho, não pelas ideias que defendem, mas apenas por serem o que são, mulheres.

 

As agressões relatadas vão desde notícias mentirosas e distorcidas da grande mídia, como as perpetradas contra Dilma Rousseff e Jandira Feghali, aos e-mails anônimos com ameaças de morte e estupro recebidos por Duda Salabert e Talíria Petrone. Chegam até mesmo ao marco da violência política, racista e de gênero brasileira, o assassinato da vereadora Marielle Franco e seu motorista Anderson, em 14 de março de 2018, ferida aberta até hoje em nossa história.

 

“Sempre foi sobre nós” é um documento histórico que dá nome ao fenômeno violência política de gênero. É também um convite para que a política seja repensada e para que situações de opressão não sejam mais toleradas. “Quando uma mulher entra na política, muda a mulher. Quando muitas entram, muda a política”, são as palavras da ex-presidenta do Chile, Michelle Bachelet. Que estes relatos de fibra e bravura sirvam para além da denúncia, que sejam fonte de admiração e inspiração para um futuro mais igualitário.

 

Este registro inigualável conta com textos de Anielle Franco, Áurea Carolina, Benedita da Silva, Bruna Rodrigues, Daiana Santos, Dilma Rousseff, Duda Salabert, Erika Hilton, Isa Penna, Jandira Feghali, Jô Moraes, Manuela d’Ávila, Maria do Rosário, Marina Silva, Marlise Matos, Sonia Guajajara, Tabata Amaral e Talíria Petrone. É um alerta para a sociedade em que vivemos e um apelo para criarmos uma outra, mais justa, mais feminina, mais igualitária e melhor.

 

TÍTULO: Sempre foi sobre nós

AUTORA: Manuela d’Ávila

EDITORA: Rosa dos Tempos​


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page