Unhas para chamar de suas

Você cresceu vendo sua mãe, ou tia, ou avós, ou todas elas, com as unhas pintadas e não via a hora de fazer o mesmo. Muito antes delas nascia esse hábito.  Talvez você se assuste em saber que os mais antigos métodos de manicure de que se tenha notícia são de 3200 a.C. A realeza chinesa tingia as unhas com preparados naturais com pétalas de flores para se destacar dos plebeus de unhas sem cor.

Os egípcios usavam henna para colorir as pontas dos dedos, sempre respeitando uma pré-definida escala de poderes.  Cleópatra e Nefertiti usavam tons de vermelho, e os homens da realeza, tons de preto. Quanto mais pobre se era na escala de poderes, mais claras eram as cores das unhas.

Hoje nem é preciso ter unhas longas. Dá para comprá-las, já pintadas inclusive! Uma dica são as unhas postiças da Kiss NY, como esta que a gente testou. E não é que nós adoramos a experiência!

São muito práticas.  Para aplicar basta limpar as unhas. Então remova o adesivo, aplique rente à cutícula e pronto. Em 15 minutos suas mãos estão feitas para uma festa, casamento ou uma semana de trabalho. O efeito é natural, e as cores atendem à todos os gostos. Testamos a cor Halo. Reparamos que elas são levemente translúcidas, então parecem mesmo unhas verdadeiras quando vistas por baixo. A espessura também é convincente. Depois de aplicar, rapidinho, você corta e lixa para deixar no comprimento e formato preferidos e voilá!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *